A difícil arte de (re)começar

O bom da vida é que em tudo é possível recomeçar. Confesso que ainda estou na euforia do (re)começo da corrida.

Meu organismo já acostumou despertar as 6hs sem necessidade do despertador. Meu organismo já não implora mais por um pote de sorvete quando estou morrendo de calor. Realmente é tudo uma questão de disciplina e força de vontade. É enxergar que suas atitudes de hoje são frutos que você colherá lá na frente.  Quando visualizamos isso a força de vontade vem e o (re)começo se torna menos árduo.

Agora chega de filosofar... amanhã é dia de subir na balança e ver se os frutos estão chegando. O final semana foi tranquilo e dentro das conformidades. Hoje já deixei para trás mais 8km.

Boa semana, com uma frase do Mario Quintana.


Nenhum comentário

Obrigada pela visita!
Será um grande prazer ler seu comentário!