Mais uma Meia Maratona

Minha meta para 2011 era correr duas Meias Maratonas! E hoje consegui concluir a terceira desse ano!

Confesso que me achei audaciosa quando estipulei essa meta, já que estava voltando a correr depois de quase dois anos parada! Mas consegui cumprir com louvor!

Depois da Meia de Floripa acalmei os treinos por conta de uma lesão. Nem cheguei a ir ao médico pois tinha certeza que a recomendação seria que eu parasse com os treinos.

Há tão pouco tempo que tinha voltado a correr, não queria deixar esfriar "o ritmo". Então me matriculei numa academia, comecei a fazer musculação (que foi bem meia boca, diga-se de passagem) e troquei os treinos de corrida pelo transport e bike (indoor).

Para esta Meia Maratona cumpri apenas os longos, que por sinal fiz com muita cautela para não piorar a lesão.

Nesse meio tempo pensei em desistir, pois as dores na canela não queriam dar trégua. Mas "viciado"é uma coisa.... insisti e aos poucos a ideia de desistência foi embora e resolvi encarar que essa prova sim!

Ela tinha tudo para ser uma prova excelente. E de fato foi! Estrutura e organização impecável.

Fui para prova consciente que não faria uma prova espetacular, com recorde pessoal, afinal o treino foi somente para não perder totalmente o condicionamento.

Cheguei no ponto de chegada, larguei o carro e fui para a "largada" junto com o Portuga, vulgo Nadais. Chegamos em cima da hora mas nada preocupante. Um pouco antes de iniciar a prova encontrei os amigos Rogério Tavares e Fauzer. Tentei encontrar minha velha amiga Camila, mas nada!

Enfim, foi dada a largada.  Procurei não forçar logo no começo pois  correria o risco de quebrar adiante. Fui num ritmo confortável, do jeito que eu gosto. Quilômetro a quilômetro tentei avistar a Camila, mas nada dela! Sabia que ela estava por perto pois o Rogério disse que havia a encontrado antes da largada.

"Desencanei". Nada dela! 

Continuei a prova e o sol foi começando dar o ar de sua graça. Não estava gostando muito daquilo. A semana toda tivemos um frio de lascar e justamente no dia que eu queria que ele permanecesse, resolveu ir embora.

Evitei pensar nisso e me hidratei em todos os postos d'água. 

Adentrei na USP. Continuava num ritmo tranquilo, confortável, ainda sem sinal de cansaço. Ainda bem, pois não estava nem na metada da prova, rs.

Quando estava perto do quilômetro 10 avistei a Fabi. Ela estava num ritmo semelhante ao meu e parecia estar super bem, inteirona. Mais um pouco encontro a Camila! Também estava num ritmo muito bom.

Não emparelhei em nenhuma pois eu não consigo correr e conversar...rs Além disso não queria atrapalhar o ritmo delas. Mantive o meu ritmo e fui embora.

No posto d'água do quilômetro 12 começou a bater o cansaço. Acho que era mais um cansaço psicológico do que um cansaço físico de fato. Enquanto corria pensava no trecho da Av Politécnica que teria que enfrentar. Lembrava de como penei na Meia da Corpore naquela trajeto.

E de fato aconteceu. Aquele trecho me cansou demais. Parecia não ter fim. O ritmo começou a cair um pouco.

Não queria andar, mas comecei a pensar que se caminhasse uns metros renderia mais. Então me propus caminhar alguns metros nos postos de hidratação. Não foi um bom negócio! Parece que a perna pesou mais e não conseguia voltar ao ritmo de antes.

Comecei a "usar" algumas pessoas como coelho e assim não perder tanto o ritmo. Foi uma ótima estratégia.  

Quando entrei na USP novamente já tinha melhorado um pouco o ritmo. Faltava muito pouco.

O que me alegrava era o fato de não estar sentindo dor alguma, nem da lesão e nem dor muscular.

Nesta semana eu comprei uma meia de compressão e resolvi utilizar na prova! Sem dúvida foi uma das melhores aquisições que fiz nos últimos tempos. Aquele cansaço muscular não aconteceu em nenhum momento e percebia uma certa "firmeza" enquanto corria. Recomendo!

Trecho da USP finalizado. Faltava muito pouco. Eu olhei para o relógio e para minha surpresa eu tinha chances de terminar a prova no mesmo tempo que terminei a Meia de Floripa. Então procurei focar o ritmo. 

Mas como nem tudo é flores chegou a ultima subidinha e o psicológico me abalou. Subi andando. Não queria, mas nessas horas querer nem sempre é poder, rs.

Menos de 1 km. Pelo menos era o que marcava no meu relógio. Puxei o ritmo dentro do que era possível no momento e finalizei os 21km em 2:10:40! Feliz da vida! Apenas 5 segundos a mais que meu melhor tempo que aconteceu em 2007, na Meia do Rio.

Recebi minha medalha LINDA, feliz da vida, por mais essa conquista.

Assim que cheguei, aguardei um pouco e a Camila chegou! Grande menina! Em apenas um mês de treino fez bonito na sua primeira Meia Maratona!

Apenas quem corre sabe o quanto é gratificante finalizar uma prova "nesse porte".  É preciso dedicação! Sem falta modéstia me sinto uma vitoriosa!  Conciliar família, 3 filhos, trabalho e treinos não é moleza. Mas o final é compensador, sem dúvida alguma!

Agora é pensar na próxima aventura! Pois sempre quando termino provas assim, fica aquele gostinho de quero mais!

Momentos de hoje:












13 comentários

  1. Você é mulher de garra! Parabéns por ir além das metas. E ainda beliscou o melhor tempo na distância. Bom demais!

    ResponderExcluir
  2. Tempo excelente, ainda mais depois da lesão que fez com que vc não conseguisse treinar como gostaria. Parabéns!!!!

    Eu também odeio parar para caminhar, o corpo volta pesado. Muito estranho!

    Beijos mil ... essa medalha é linda demais :D

    ResponderExcluir
  3. Jackeee seu tempo foi sensacional =) eu também senti a politecnica,passei muito mal ali da outra vez,comecei a cantar e pensar em outra coisa pra esquecer aquela maldita avenida sem fim,e quando cheguei na fabrica de sabonete que da outra vez me fez quase entregar os pontos ri muito kkkk nada ver aquele cheiro de sabonete em um sol escaldante kkkk

    Tem como me enviar a foto que estamos com a medalha colorida?rs
    Parabéns mais uma vez essa prova foi incrivel,melhorei meu tempo em 25 minutos kkkk

    Beijo grande
    Fabi =)

    ResponderExcluir
  4. Oi, Jacke!

    Parabéns pela terceira meia do ano. Tá num pique invejável! E também pelo ótimo resultado obtido, raspando no recorde pessoal. Bom te ver por lá. O sol me derreteu no final, mas gostei demais da prova também.

    Bjs, boa semana e bons treinos!

    Fábio

    ResponderExcluir
  5. Parabéns por mais uma meia. Achei a prova bastante legal.

    Boas Corridas!!

    Alessandro
    http://blog42195.blogspot.com/
    @alesilvabr

    ResponderExcluir
  6. Oi Menina, parabéns por ter completado mais uma meia maratona e ter superdao seus objetivos! Adorei as fotos, são muito legais como sempre!

    Bons treinos e excelentes corridas!!

    ResponderExcluir
  7. jacke, sensacional mesmo, vc tem mta garra, admiro vc por isso.parab´nes!

    ResponderExcluir
  8. Grande Jacke que show heim!!! Parabéns e bosn treinos!!

    Abraço
    Tiago Antunes
    www.vodoismax.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Parabéns por completar mais uma Meia Maratona e superar a sua meta. Eu ainda não tenho coragem para fazer uma Meia Maratona, mais quem sabe o ano que vêm.
    Um abraço e bons treinos !!!

    Fernando Moura
    www.vivendoavidacorrendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olha eu na primeira foto! rs

    Parabéns por uma ótima prova. Vai fazer uma 4a. meia ainda este ano? Quem fez 3, faz 4!

    Inté,
    Shigueo

    ResponderExcluir
  11. Oi, Jacke! Parabéns por mais uma meia! Parabéns pela performance!
    A prova deve ter sido fantástica! Eu também queria ter ido, mas tinha optado por outra e infelizmente, o calendário coincidiu! Mas, estou em recuperação! Um pouquinho mais de paci^}encia e volto a correr no meu ritmo tartaruguístico normal! Rsrsrs.
    Bjs e bons treinos!

    ResponderExcluir
  12. Oi Jacke,

    Parabéns pela prova e por ter superado a meta.

    Bjos,
    Dani
    correndoemagrecendo.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Será um grande prazer ler seu comentário!