No pain, no gain

Sábado passado não foi possível realizar o longo que a planilha pedia, já que tivemos o evento da Mizuno UpHill. Mas não tem escapatória. Não treina no sábado, tem que treinar no domingo!

E como a ideia é tentar incluir nos treinos, subidas, diversificar os terrenos e percursos, dessa vez fui me aventurar no litoral paulista e lá fomos nós correr em Santos!

Meu técnico Wanderlei de Oliveira acompanhou todo meu treino comigo. Nossa meta era correr a maior parte do tempo na areia, além de realizar duas subidas: Ilha Porchat em São Vicente e o Morro de Itararé.

Ilha Porchat
Depois de aproximadamente 5k de corrida começamos a subir a Ilha Porchat. Confesso que achei ela bem tranquila. Sinal que os treinos anteriores estão surtindo efeito.

Consegui até conversar durante o percurso :)

Ilha Porchat - com Wanderlei de Oliveira
Depois voltamos a correr a beira mar por mais alguns quilômetros. O problema é que começamos nosso treino um pouco mais tarde do que queríamos, então o calor já estava "arrepiando". Certamente estávamos correndo debaixo de 30º.

Por volta do quilômetro 11 começamos a subir o Morro de Itararé! Gente, o que é aquilo! Juro, foi punk! Não vou mentir. Prometi para mim mesma que não ia andar. Foram aproximadamente 2km de subida pesada!

Pouco a pouco meu coach foi se distanciando de mim. Meu ritmo foi caindo brutalmente. Até que pensei em caminhar... Antes de fazer isso gritei: "Me ajuda!!!". Ele voltou e foi me motivando para que eu não morresse antes da hora.

Continuamos... A subida foi ficando cada vez mais inclinada e ele mais uma vez abriu distância... Não teve jeito... Não consegui cumprir o planejado que era correr o tempo todo. Pensei comigo: "Só dez passos". E foi o que fiz... Dei 10 passos largos, ganhei fôlego e voltei a trotar.

Chegamos no topo e eu estava muito cansada, mas o visual que ganhamos me fez esquecer do cansaço e de toda dificuldade que me fez chegar ali!

Apreciando a vista através do Morro de Itararé

Depois de tirarmos alguns minutos para algumas fotos e apreciação da vista que tínhamos lá de cima, voltamos, afinal, o treino ainda não tinha acabado!

Cerca de 10km ainda nos esperava. O calor estava cada vez mais escaldante e cansaço batia  com mais força.

Mas tudo que é difícil só nos fortalece. E tenho certeza que todo esse sacrifício será colhido como bons frutos na Mizuno UpHill Marathon.

Concluímos o treino, cansados, com muito calor, mas foi gratificante. Fiquei extremamente feliz por ter conseguido deixar mais 24km para trás!

http://connect.garmin.com/activity/403262246




"Aquele que nos combate, fortalece nossos nervos e aguça nossas habilidades. Nosso oponente é nosso colaborador."

BONS TREINOS!!!

2 comentários

  1. Nossa, que maravilha de treino, parabéns, guria ! E que lugar, hein ??? Beijo, bom findi.

    ResponderExcluir
  2. Assustador Jacke! Que bacana essa parceria. Isso é muito importante.
    Beijos
    Ju

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Será um grande prazer ler seu comentário!